Governador nomeia diretor da Gerência Regional de Saúde de Leopoldina

0
474

Renan Guimarães de Oliveira é funcionário de carreira e atua na Secretaria Estadual de Saúde desde 2008. Nomeação foi publicada no Diário Oficial do Estado deste domingo (6).

O governador Romeu Zema nomeou neste domingo, 6 de janeiro, o novo diretor da Gerência Regional de Saúde (GRS) de Leopoldina, Renan Guimarães de Oliveira. Funcionário de carreira daquela autarquia, Renan assume o cargo que era ocupado pela fisioterapeuta Aline Santos de Almeida.

A nomeação foi publicada na edição extra do Diário Oficial do Estado de Minas Gerais deste domingo (6).

A GRS Leopoldina abrange os municípios de Além Paraíba, Argirita, Astolfo Dutra, Cataguases, Dona Euzébia, Estrela Dalva, Itamarati de Minas, Laranjal, Leopoldina, Palma, Pirapetinga, Recreio, Santana de Cataguases, Santo Antônio do Aventureiro e Volta Grande.

Nascido em Paraíba do Sul (RJ), Renan, 33 anos, reside em Leopoldina e é Fisioterapeuta. Trabalhou em clínicas de fisioterapia entre 2007 e 2008 em sua cidade natal, ingressando em agosto daquele ano na Secretaria de Estado da Saúde de Minas Gerais (SES-MG) onde exerceu na GRS de Leopoldina a função de especialista em políticas e gestão da Saúde. Em outubro de 2018 foi cedido para a Secretaria Municipal de Saúde de Cataguases, retornando para sua antiga função na GRS de Leopoldina no último dia 2 de janeiro.

“Recebi a nomeação com muita surpresa e também com muita felicidade em poder ocupar um cargo que é o objetivo de pessoas que se dedicam e trabalham na saúde pública. É uma maneira de tentar coordenar e gerenciar processos a fim de consolidar as políticas públicas no Sistema Único de Saúde”, declarou Renan.

O novo diretor esclareceu que ainda não definiu quais serão seus primeiros atos à frente da GRS: “É um cargo que para mim é novo. Vou tentar reconhecer como o serviço vem sendo realizado, me ambientar, observar como as coisas estão funcionando e somente depois tomarei as decisões que considerar necessárias à frente da GRS”, completou.

Fonte: Jornal O Vigilante